RETAIL RETOLD

Por que consumidores irão abraçar essas cinco maneiras de recontar a história do varejo.

 

Uma consequência de um mundo em que é possível comprar em (quase) todos os lugares e a toda hora?

Cada vez mais, as compras em lojas físicas parecem ser menos vibrantes, com menos opçōes e menos transparência.

É por isso que consumidores das Américas do Sul e Central estão abraçando lojas físicas que entregam mais: mais do que apenas uma simples transação, e ainda mais do que um “ótimo serviço de atendimento ao cliente” (que já é esperado!).

Das lojas que se deslocam atrás do consumidor, às que estimulam o aperfeiçoamento pessoal e acrescentam valor social ao consumo, RETAIL RETOLD trata de cinco conceitos de varejo que miram alguns dos desejos e das necessidades mais profundas dos consumidores. Nesse caminho, eles recontam a história do varejo para 2014.

Cinco novas narrativas para o varejo em 2014 e para os próximos anos:

1. MARCAS SOBRE RODAS

A opção para viagem.

2. UMA LOJA NO CAMINHO

Parte da jornada (do varejo).

3. OFF=ON=OFF

Os limites entre offline e online desaparecem.

4. LOJAS SOCIAIS

Vendendo uma mensagem.

5. EDU-COMMERCE

Não pregue, ensine.

RETAIL RETOLD

1. MARCAS SOBRE RODAS

A opção para viagem.

Agora que os moradores dos grandes centros urbanos, superocupados, podem fazer compras online e receber a entrega em um ou dois dias, sua motivação para ir até uma loja caiu a quase zero.

Uma consequência? Marcas espertas estão encontrando novos jeitos de se desprender de locações fixas e caçar os consumidores onde eles estiverem.

Em 2013, 19% dos Mexicanos comeram em um food truck ao menos uma vez.

De La Riva Group, Novembro de 2013
 
1. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: MARCAS SOBRE RODAS

Botánicus

Caminhão customizado vende flores em bairros de Bogotá

Lançado na Colômbia em dezembro de 2013, Botánicus é uma floricultura móvel que vende flores e plantas para casas e escritórios. De quarta a domingo, um ônibus restaurado passa pelos principais centros comerciais e turísticos de Bogotá oferecendo uma seleção de cactos, suculentas, rosas e acessórios vintage. Por meio do site da Botánicus, os consumidores podem antecipar o que vão comprar, monitorar a rota e os horários do ônibus.

 
1. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: MARCAS SOBRE RODAS

Nail Delivery

Serviço de manicure vai a casas e escritórios

Em outubro de 2013, a Nail Delivery lançou um serviço de manicure no Brasil que vai aos escritórios e às casas das clientes. Elas agendam seus horários pelo telefone; a manicure básica custa BRL 30 (USD 13). A Nail Delivery também oferece serviços para eventos, como “girls night in”, casamentos ou festas corporativas.

1. MARCAS SOBRE RODAS

E COMO USAR?

Saiba – via mídias sociais – onde os consumidores estão.
Deixe-os dizer onde querem que você esteja e vá lá!

 

2. UMA LOJA NO CAMINHO

Parte da jornada (do varejo).

Nas movimentadas cidades das Américas do Sul & Central, as pessoas estão constantemente em movimento (veja nosso trend bulletin METRO MOBILITY para saber mais!). Além disso, esses consumidores pressionados pelo tempo estão determinados a extrair o máximo valor de suas jornadas diárias.

Os consumidores estão comprando em seus smartphones e navegando por displays de e-tail nas plataformas de trem. Agora, eles irão aderir a marcas que estiverem à frente, criando combinações inesperadas entre transporte e varejo que os ajudem a botar fim em qualquer “tempo morto” do seu dia.

Um trajeto típico de um habitante de São Paulo, Cidade do México, Buenos Aires, Bogotá ou Lima dura 1 hora e 28 minutos.

Megacidades & Infraestrutura da América Latina - Banco Interamericano de Desenvolvimento, Março de 2014
 
2. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: UMA LOJA NO CAMINHO

Los Paleteros

Paletas mexicanas via drive-thru

Em janeiro de 2014, a marca brasileira de paletas (os tradicionais picolés mexicanos), Los Paleteros, inaugurou um drive-thru na franquia de Sorocaba (SP).

 
2. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: UMA LOJA NO CAMINHO

Beauty Bazar

Beleza no metrô

Em fevereiro de 2014, Beauty Bazar lançou vending machines de produtos de beleza em duas estações de metrô de São Paulo, Luz e Paraíso. Os consumidores que estiverem andando de metrô podem comprar na máquina (que só aceita pagamento em dinheiro) lixas de unha, unhas postiças, adesivos e outros itens.

2. UMA LOJA NO CAMINHO

E COMO USAR?

Pense sobre as muitas maneiras em que a mobilidade urbana está mudando e veja como pode estar presente no deslocamento dos consumidores.

 

3. OFF=ON=OFF

Consumidores grudados em seus smartphones tornaram as barreiras entre offline e online próximas do invisível.

Consumidores condicionados pela era dos smartphones agora esperam que as plataformas de e-commerce ofereçam o melhor dos dois mundos: a sociabilidade e a mão na massa do atendimento ao cliente da loja física, e a conveniência e os benefícios dos preços online.

As melhorias do 3G e da banda larga só farão essa expectativa crescer, possibilitando tanto mais rapidez das experiências online, quanto a melhoria da integração entre os espaços digital e físico.

A receita do varejo online no Brasil, Argentina e México vai mais que dobrar, passando de USD 20 bilhões em 2013 para USD 47 bilhões em 2018.

Forrester, Dezembro de 2013
 
3. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: OFF=ON=OFF

iLoveMall

Shopping virtual imita a experiência da compra no ambiente físico

iLoveMall é um shopping center em uma plataforma virtual que imita a experiência tradicional de visitar um shopping, com visualizações em 3D de lojas de e-commerce. Varejistas participantes têm corredores e vitrines virtuais. Com lançamento previsto para 2014, a plataforma pode abrigar até 720 lojas.

 
3. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: OFF=ON=OFF

Sodimac: Leitor de Catálogos

Aplicativo oferece a opção de visualizar os produtos com realidade aumentada

Em março de 2014, a rede Chilena de produtos para casa Sodimac lançou o aplicativo Lector de Catálogos. Quando usado para escanear um catálogo da loja, o aplicativo mostra representações em 3D de produtos via realidade aumentada.

 
3. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: OFF=ON=OFF

Leica & Arco

Câmera pode ser comprada via Instagram

Em dezembro de 2013, a marca Leica ofereceu aos clientes brasileiros a possibilidade de comprar a câmera que se conecta com wifi Leica C. Compradores tinham que se registrar na plataforma Arco, que conecta a conta do Instagram com a do PayPal, e então puderam comprar a câmera apenas digitando “comprar” no comentário da foto do perfil @LeicaBrasil. Assim como a câmera, os clientes também recebiam a impressão da foto em que haviam comentado.

 
3. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: OFF=ON=OFF

Sonae Sierra

Shopping center usa o WhatsApp como canal de atendimento ao cliente

Em dezembro de 2013, o Sonae Sierra Brasil, administrador de shopping centers, foi o primeiro do setor a implantar o WhastApp como uma plataforma de comunicação e uma ferramenta de atendimento aos clientes. Depois do lançamento no Shopping Metrópole, em São Paulo, o serviço se espalhou por outros lugares. Consumidores podem fazer perguntas sobre facilidades do shopping e receber recomendações de lojas dos operadores por meio do aplicativo de mensagens.

3. OFF=ON=OFF

E O QUE FAZER?

A fusão entre online e offline está em curso.
Você pode usar a tecnologia "vestível" para tornar invisíveis quaisquer limites restantes entre o físico e o virtual e aproveitar o melhor dos dois mundos?

 

4. LOJAS SOCIAIS

Vendendo uma mensagem.

Os consumidores estão ocupados tirando vantagem total da falta de limites do espaço online, mas isso não significa que o local  – questões de localização, tradições, comunidades e culturas – foi esquecido.

De fato, para muitos consumidores, LOCAL LOVE (o apreço por produtos, serviços e experiências locais) é mais importante que nunca e um meio para fazer valer suas próprias identidades e mentalidades em meio à aldeia global. Isso quer dizer que os consumidores irão amar, prestar atenção e respeitar varejistas que se engajam em questões locais e ambientais, e promovam mudanças que sejam positivas.

95% dos "prosumers" (consumidores que têm vasto conhecimento, são influentes e demandam muito) mexicanos acreditam que empresas têm a mesma responsabilidade que governos de gerar impacto social positivo.

Prosumer Report - Havas Worldwide, Novembro de 2013
 
4. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: LOJAS SOCIAIS

Paris

Varejista recompensa doações de roupas em festival de música

Em março de 2014, no festival musical Lollapalooza em Santiago, o varejista chileno Paris criou uma loja onde os participantes podiam trocar roupas velhas por prêmios. Doações eram recompensadas com cortes de cabelo, camisetas customizadas e fotos. Tudo que foi arrecadado foi doado para a Debuenafe, uma ONG que ajuda mulheres empreendedoras.

 
4. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: LOJAS SOCIAIS

Fenalco & Agência Colombiana de Reintegração

Governo reintegra soldados ex-FARC por meio de programa de gerenciamento de lojas

A Agência Colombiana para Reintegração ajuda ex-militantes das FARC a se tornarem trabalhadores por conta própria, abrindo lojas de conveniência para a marca da confederação comercial da Fenalco, 2x3. O projeto ganhou o prêmio “Empreender Paz 2013” – concedido a negócios que contribuem para a cultura da paz. Desde abril de 2014, já foram abertos 15 minisupermercados na Colômbia.

 
4. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: LOJAS SOCIAIS

BRMalls & Fundo Social de Solidariedade

Pop-up store vazia é feita para receber doações

Em abril de 2013, BRMalls, em parceria com o Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo, abriu a Loja Vazia em São Paulo. A pop-up store foi criada como uma loja normal – com manequins, provadores e prateleiras – porém vazia. Ao longo do tempo, o espaço era preenchido com doações de roupas de visitantes. No final de cada dia, as doações eram removidas da loja e doadas.

4. LOJAS SOCIAIS

E O QUE FAZER?

Como você pode oferecer à comunidade algo que tenha um verdadeiro valor social?
Trabalhe com ONGs e CIVICSUMERS para promover serviços públicos que não estão sendo oferecidos pelo setor público.

 

5. EDU-COMMERCE

Não pregue, ensine.

Mesmo em regiões onde há uma classe média estabelecida, sempre há VIRGIN CONSUMERS, que estão se deslocando para novas camadas sociais (de baixa à média ou mesmo de média a alta renda) e experimentando novos produtos e serviços.

Isso significa que uma multidão de consumidores que anseiam por orientação e conselhos quando os assuntos são produtos e serviços. Um futuro para o atendimento ao cliente na região, então? Varejistas que não apenas pregam sobre os benefícios de seus produtos, mas pelo contrário, ensinam como extrair o máximo de valor deles. Nesse processo, eles oferecem educação em determinadas áreas, de aulas de culinária à orientação financeira e mais.

Entre os países das Américas do Sul & Central estão seis dos 10 países onde os consumidores se mostram mais dispostos a comprar produtos e serviços de empresas que apoiam projetos ligados à educação:
Colômbia 90%, Brasil & Venezuela 88%, Peru 87%, Chile 83%.

Nielsen, Setembro de 2013
 
5. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: EDU-COMMERCE

Interbank

Agência bancária inclui áreas de aprendizado em Lima

Em maio de 2013, a empresa de design IDEO criou um novo conceito de varejo para o banco peruano Interbank, em Lima. Junto de um sistema de alerta baseado em SMS, que exclui a necessidade de esperar na fila, a unidade dispõe de áreas sociais, onde os visitantes podem aprender como otimizar suas finanças.

 
5. INOVAÇÕES EM DESTAQUE: EDU-COMMERCE

Magazine Luiza

Varejista oferece aulas e recebe eventos

Em Agosto de 2013, o Magazine Luiza abriu uma loja na favela de Heliópolis, em São Paulo, a primeira “loja virtual” do bairro. Consumidores podem comprar produtos em um catálogo virtual, ajudados por vendedores para decidir e comprar online. Além de adquirir produtos, consumidores podem ir à lojas para ter aulas de culinária e informática, e participar de degustações organizadas pelo Magazine Luiza.

E O QUE FAZER?

EDU-COMMERCE

Como você pode melhorar o conhecimento e as habilidades dos consumidores e, ao mesmo tempo, apresentá-los ao seu produto ou serviço?
Encontre o equilíbrio e você vai criar uma experiência imperdível!

 

Está pronto para começar a recontar a história do varejo?

Só recapitulando ;)

MARCAS SOBRE RODAS: ouça os consumidores onde eles estiverem - e vá lá!

UMA LOJA NO CAMINHO: ofereça novos pontos de venda que capturem a atenção dos consumidores em seus deslocamentos.

OFF=ON=OFF: misture físico e digital para criar novos tipos de experiência de varejo.

LOJAS SOCIAIS: faça mudanças positivas nas comunidades locais - pense em parcerias com ONGs e consumidores.

EDU-COMMERCE: ensine os consumidores sobre suas ofertas e melhore também as habilidades e os conhecimentos desejados.

Premium Service

Your complete Trend & Innovation solution.

See how Premium will benefit you »